Com o desejo de entender a Bíblia, idosa aprende a ler aos 71 anos

Aos 71 anos, Normália de Souza dos Santos mostrou que nunca é tarde para entrar em uma sala de aula e começar a aprender. Para isso, ela contou com muita determinação e fé. “Comecei a enxergar com os olhos da carne, antes eu via apenas com os olhos da fé. Agora eu não perco mais o ônibus nenhum por não saber ler”, disse a aposentada ao G1.

Foto: Valdecir Galor/SMCS

A aposentada também conta que via as pessoas lendo as Bíblias na igreja e tinha o sonho de fazer o mesmo. “Hoje eu consigo, leio e entendo os versículos e isso é maravilhoso”, celebra.

Nascida em Contendas do Sincorá, no interior da Bahia, Normália precisou trabalhar na roça aos sete anos e não teve a oportunidade de estudar. Hoje, morando em Curitiba, ela estuda em uma turma da Educação Jovens e Adultos (Eja).

Mãe de sete filhos, a aposentada faz parte de turma formada por 25 homens e mulheres com experiências de vida parecidas, na Escola Municipal Bela Vista da Paraíso, no bairro Santa Cândida.

Os sete filhos de Normália são formados e todos estudaram na mesma escola onde hoje ela é aluna. Foram eles que a incentivaram a iniciar as aulas. “Quem não sabe ler tem olhos, mas não enxerga”, ela destaca.

Segundo a professora Iolanda de Lourdes Porto, Normália é uma aluna estudiosa e tem 100% de frequência. “A disciplina preferida é matemática, mas também adora declamar poesias”, conta a professora.

 

Fonte: Guiame